Image Map

01/09/2014

Berço com grade fixa X berço com grade móvel

 Oi pessoal, hoje eu preciso muito da ajuda de vocês, principalmente das mamães e dos papais!!
Estou começando a busca pelo berço do meu Danilo e acabei com uma boa dúvida, que é sobre os berços com grade móvel ou com grade fixa. 
Abaixo, fiz um apanhado de opiniões, mas também gostaria de saber a opinião de quem usa diariamente. Quero saber se a grade móvel facilita tanto assim a nossa vida na hora de colocar o bebê no berço. Sobre a grade móvel, seus defensores "batem na tecla" da segurança, já que a grade é fixa e não há nenhum perigo para o bebê nesse sentido.
Por favor, ajudem essa futura mamãe desesperada e cheia de dúvidas!!! rsrsrs


Algumas opiniões:

Quais critérios de segurança o berço deve seguir?
Algumas medidas são extremamente importantes. A grade lateral do berço deve ter no máximo um espaçamento de 6,5 cm para evitar que o bebê coloque a cabeça no vão. O Inmetro determina ainda que entre o estrado e as laterais do berço a distância não deve ultrapassar 2,5 cm. “Dessa forma, a criança não tem como prender as mãos ou pezinhos”, explica Gustavo Kuster, gerente do instituto. Outro ponto fundamental: a altura entre o estrado e a lateral do berço tem de ser, no mínimo, 60 centímetros. “Isso evita que o bebê consiga pular para fora do móvel, quando estiver maior”, diz.
Ingrid Stammer, coordenadora da ONG Criança Segura, alerta ainda para o cuidado com berços que contenham braçadeiras ou suportes. “A criança pode prender a roupa e se machucar”. Partes destacáveis ou pontiagudas como as quinas do berço também não são bem-vindas (prefira os modelos com quinas arredondadas). E atenção às rodinhas: se forem quatro (uma para cada pé do berço), é obrigatório um sistema de travamento em duas delas para garantir estabilidade.
 A grade móvel representa um perigo para a criança?
Depende. Os pais não podem deixar o bebê no berço com a grade abaixada e devem regular a altura do estrado de acordo com o crescimento da criança. Na hora da compra, atente para a grade. “Ela deve ter um deslocamento simples para facilitar a vida da mãe e difícil o suficiente para que o bebê não consiga mexer nela sozinho”, alerta a arquiteta Andréa Murao.
_______________________________________________________________________________

As grades devem sempre ser mantidas elevadas. Evite comprar modelo de berço que tenha grades móveis. As grades e as traves devem ser arredondadas e o espaço ideal entre as traves varia entre 4 e 6 cm, e a altura das laterais do berço (medida desde a parte de cima do colchão) deve ter pelo menos 60 centímetros;  
_______________________________________________________________________________
Escolha o melhor berço para o seu bebê
08/04/2013 - Texto por Lidiane Guedes
O berço é um item indispensável para o bebê, é nele que o pequenino passará um bom tempo no início da vida, por isso é necessário muito cuidado para escolher o bercinho.
Todos os berços infantis vendidos ou comercializados no país precisam ter o selo do Inmetro. Isso é muito bom, porque os pais podem ter parâmetros de qualidade para o produto e também possuem informações sobre o que observar na hora de escolher um berço.
Veja a seguir os principais pontos que os pais precisam ficar atentos na hora da compra:
-Repare se as bordas são arredondadas e também se não possui arestas ou rebarbas;
-As grades do berço devem ter entre 4,5cm e 6,5 cm para evitar que o bebê coloque a cabecinha no espaço entre elas.
-A distância entre as laterais do berço e o estrado não pode ser maior que 2,5cm.
-Os rótulos e adesivos não podem estar colados na parte interna do berço.
-As laterais móveis devem ser equipadas com sistema de travamento.
-Atente-se à qualidade e resistência do produto, se possui uma superfície lisa que não solta farpas.
-Todas as instruções de uso, referentes utilização, montagem e advertência devem estar em português.
Outros cuidados são necessários, como não deixar o berço perto de janelas, cortinas e persianas. E ainda, não colocar muitos objetos dentro, para evitar acidentes.
_______________________________________________________________

Acessório Grade Móvel para Berços

A grade móvel é uma excelente característica de muitos berços atualmente. Normalmente disponível em apenas um lado do berço (o lado que fica mais acessível à mãe e ao bebê), permite que a lateral do berço seja baixada ou levantada conforme necessidade.

É indicado que a grade esteja sempre levantada enquanto o bebê estiver no berço. Entretanto, a funcionalidade de poder baixá-la auxilia e facilita diversas tarefas como:
·         Arrumar o berço;
·         Trocar os lençóis e cobertas;
·         Acalmar o bebê com contato físico;
·         Deitar o bebê já adormecido;
·         Etc...

A grade móvel presente nos produtos Sleeper foi projetada seguindo as normas de segurança da ABNT de forma que apenas um adulto, utilizando ambas as mãos, consiga acioná-la através da ativação simultânea das travas da grade. Isto aumenta a segurança do berço, evitando que as crianças possam alterar a altura da grade e diminuindo as chances de que a grade seja movimentada acidentalmente. 

No momento da escolha de um berço com grade móvel, preste bastante atenção neste mecanismo de trava da grade e aproveite para testá-lo, pois isto influi diretamente na segurança do berço.
____________________________________________________________


Berço com grade lateral móvel:


A Tulipababy tem recebido vários questionamentos do porque não utilizar "grade móvel" em seus berços e esta questão remete ao início da empresa quando naquela época tinha sido recentemente divulgado um estudo da CPSC-US (Comissão Americana de Segurança de Produtos para Consumidor Final nos Estados Unidos) onde foi revelado que em uma década ocorreram mais de 30 mortes de bebês em acidentes com a grade móvel, vide reportagem do Dailymail, link: http://www.dailymail.co.uk/news/article-1339056/Drop-cribs-BANNED-U-S-government-deaths-30-babies.html

Esta questão foi considerada tão séria lá, que urgentemente o comitê americano alterou a norma para garantir a segurança deste dispositivo e mais de 6 milhões de berços que já estavam em circulação no mercado tiveram que sofrer recall da grade móvel.
Outro motivo fundamental foi que analisando o mercado de berços na Europa, constatou-se que é praticamente impossível achar um berço que utilize a grade móvel lá. Praticamente todos os berços são com grade fixa e isto pode ser facilmente verificado visitando, por exemplo, o site www.baby.nl, esta empresa não comercializa berços de grade móvel e é considerada umas das maiores revendedoras de berços na Europa.
GRADE MÓVEL X INMETRO
Hoje temos "berços com grade móvel" no Brasil com selo do Inmetro, pela nossa análise, concluímos que o principal motivo é que a norma Brasileira, ABNT NBR 15860-1, foi confeccionada anteriormente ao relatório divulgado pela CPSC-US. A norma Brasileira é praticamente um copia fiel da Europeia, a EN-716, e não da norma americana onde era comum o berço com grade móvel. Então como na Europa o berço de grade móvel é raro, a questão de acidentes como o dispositivo é nula, e concluímos que este é o principal motivo de a norma Europeia não ser tão rigorosa com o dispositivo da grade móvel e permanecer sem uma revisão neste quesito.
Na ultima reunião do Inmetro sobre berços, ocorrida em Abril/2014 no Rio de Janeiro, (Programa de Avaliação da Conformidade (PAC) para Berços Infantis, Consulta pública das Portarias Inmetro nº. 556 de 18/11/2013), a Tulipababy se fez presente expondo esta questão por nós considerada de extrema importância a exemplo do que ocorreu nos Estados Unidos. 

"PORQUE GRADE MÓVEL?"
A única explicação que temos sobre a grade móvel é que este disposto foi criado unicamente para resolver uma questão estética. Por questões comerciais, foram desenvolvidos berços mais altos porque o maior parece mais imponente, algo que tem maior preço, que agrega valor ao produto, só que um berço mais alto gera desconforto para colocar e retirar o bebê e se faz necessário que a grade abaixe e fique na altura de um berço de grade fixa. Um berço de grade fixa já é concebido na altura ideal para oferecer conforto na hora de retirar ou colocar o bebê, mesmo para mamães que tenham feito cesárea.
O RISCO
Alguns acidentes acontecem quando a grade fica abaixada com o bebê dentro. Como ele adormece após ser amamentado, a mamãe toma todo cuidado para não despertá-lo e percebe que ao coloca-lo no berço a grade está abaixada. Este dispositivo faz barulho e balança o berço no seu acionamento, na inocência, muitas mamães deixam a grade sem levantar para não acordar o bebê achando que como são pequenos, não irão rolar. Contudo como estão em fase de crescimento, em certo momento podem fazer um rolamento incorrendo em queda e podendo resultar em sequelas irreversíveis ou até fatais. O manuseio da grade é muito constante, porque a amamentação ocorre normalmente de 3 em 3 horas, e outro problema é que a mamãe pode esquecer a grade abaixada. Como é uma fase trabalhosa, outras pessoas entram em contato com a grade móvel, como avós, titias, babás, e na maioria dos casos não tem conhecimento adequado do correto manuseio, travando incorretamente ou deixando abaixado com o bebê dentro.

Outra possibilidade eminente de acidente é quando a mamãe, após retirar ou colocar a criança no berço, que está em seu colo sendo aparada por apenas um de seus braços, tenta acionar a grade móvel. Pode ocorrer um descuido por não estar prestando toda atenção ao bebê e este vir a sofrer uma queda do colo. O bebê tem muita força e não tem controle de movimento. Quando está com fome, fica muito agitado e pode fazer algum movimento brusco e se mamãe não tiver toda atenção pode criar uma situação de risco.

CONCLUSÃO
O bebê passa muitas horas dentro do berço, uma grande parte dormindo e outra brincando e explorando. É o principal momento que fica desassistido dos pais e tem que ser um ambiente que ofereça extrema segurança.

A Tulipababy está sempre em busca de melhorias que possam oferecer todo conforto e segurança de seus consumidores e considera que hoje no Brasil a questão da grade móvel é a mais critica no que diz respeito à segurança do berço.

Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=MF-u6hIRbjE



5 comentários:

  1. Olá, Sheila. Estou te seguindo...depois passa no meu blog e dá um like. Nossos sonhos estão em Deus! http://niviaealexandre.blogspot.com.br/.
    Olha, com relação a grade do berço, eu prefiro a móvel. Tenho um casal de filhos, menino de 15 anos e a menina de 3. No primeiro, o berço tinha grade fixa e era um trabalhão pra mim pois sou baixinha e a grade atrapalha bastante. Fora que, depois que a criança cresce o berço já não é tão funcional com o risco dele querer sair sozinho e se machucar pois teria que pular a grade. Já da segunda vez comprei um berço bem parecido com esse da foto, de grade móvel, inclusive que já virou caminha pois agora ela já está gradinha. O meu vem com rodinhas, grade móvel, e aquela "barrinha" de proteção para quando vc quiser transformar em caminha. Muito fácil e prático. FICO COM O 2°, SEM SOMBRA DE DÚVIDA! beijux

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nívia, tudo bem? Muito obrigada pela sua opinião. Bjos.

      Excluir
  2. Sheilinha, não tinha lido nada a respeito das grades móveis e acabei comprando o meu assim. Vou atentar para os problemas que foram citados e redobrar a atenção quando a Marília nascer!
    O post ficou muito bom! Você escolheu seu berço já?
    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lana, tudo bem? Ainda não comprei, até mesmo por causa destas dúvidas. Vou começar ir em lojas físicas na próxima semana. Bjos.

      Excluir
  3. Oi Sheila! Por qual berço você optou?

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita e não esqueça de deixar seu comentário!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
A casa da Sheila © Todos os Direitos Reservados.
Layout por Travessura de Menina. Programação por Heart Ideas-Soluções Criativas.